17 de julho de 2016

1966 Fender Jaguar

Essa é uma das três Jaguars Olympic White com a escala em rosewood que John Frusciante usou desde 1998. Trata-se de um modelo de 1966 e que foi usada no videoclipe de clipe de "The Zephyr Song" em 2002.

Frusciante gravou a faixa "Around The World", do álbum Califonication de 1999, com uma guitarra do mesmo modelo e que pertencia a Jim Scott, técnico de gravação do álbum. Porém, não podemos afirmar se tratar da mesma guitarra, já que na apresentação do Red Hot Chili Peppers no Shoreline Amphitheatre (Live 105's BFD) em Mountain View, Califórnia, Frusciante usou uma Jaguar quase idêntica a essa e que poderia se tratar da guitarra de Scott. Na ocasião, com ela foi tocada "Around The World" e a diferença mais notável é que ela possuía um headstock também pintado em Olympic White.

Emily Kokal [namorada de John Frusciante de 2004 a 2007] - vocalista e guitarrista da banda Warpaint - ganhou de Frusciante uma Jaguar em Olympic White também de 1966, Kokal a tem como sua principal guitarra (veja no clipe de "Elephants"). A diferença dessa terceira guitarra para as anteriores são as marcações no braço, que são maiores e no formato de retângulos - Frusciante pode ser visto empunhando essa guitarra em algumas fotos promocionais de Stadium Arcadium.
"Na verdade eu não gravei com a Jaguar no Exquisite Corps e no The Fool; eu gravei tudo aquilo numa Strat '55. É do mesmo ano de uma das Strats de John Frusciante. Ele me deu essa guitarra e a Jaguar '66. Ele é um doador de guitarras muito generoso! Algumas pessoas acham que a Jaguar é dele porque ele a usou na capa de uma revista. Ele pegou emprestado, e depois nós pegamos de volta!

Jaguar '66 dada a Emily Kokal.

Ele também me deu um velho violão Martin dele. Eu sempre gostei mais de tocar violão e eu nem tinha uma guitarra até conhecer John. Quando eu comecei a tocar guitarra ao vivo, ele sempre dizia que eu o fazia lembrar do Bernard Sumner ou Robert Smith.


Eu ainda amo muito a Strat, mas já estou bem acostumada com a Jaguar. Eu amo o som caloroso da Jag e acho que ela é um pouco mais difícil de ser detectada. Essa é mais a minha vibe. Não toco tão agudo ou alto como Theresa, e também toco mais como um baixo melódico de seis cordas ou algo assim - isso soa como algo um pouco mais profundo."
- Emily Kokal - MusicRadar - 17 de agosto de 2017
Em abril de 2009, Frusciante disse a Vintage Guitar que modificou sua Jaguar 1966, a transformando em um Guitar Synthesizer GR-300.

Em entrevista para a Guitar Player em 2014, John disse que tocou uma "Roland GR-300 branca" em seu novo álbum Enclosure. Muito provavelmente, ele se refere a esta mesma guitarra que ele modificou para uma "Roland".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...