27 de abril de 2017

Johnny Marr comenta sua participação em The Empyrean - Junho de 2012


Em entrevista a Guitar World em junho de 2012, Johnny Marr ex-guitarrista do The Smiths e Modest Mouse, falou sobre John Frusciante e sua participação em The Empyrean.

Eu amo as faixas que você fez com John Frusciante em seu álbum The Empyrean. John tem uma visão musical tão distinta. Como foi colaborar com ele?

"John está sempre disposto a evitar o óbvio. Ele é alguém que coloca muita emoção dentro de sua música. Ele tem um idealismo sobre o som. Quando eu trabalhei com ele na gravação, ele me pareceu alguém que estava sempre procurando algo. Ele não é absolutamente blasé. Se você está ouvindo ele tocar um som que é muito limpo, John olha o resultado de algo que é puro. Cada som que ele cria é deliberadamente significativo para ele.

Quando fizemos essas músicas, que me inspiraram, então eu trabalhei muito rapidamente. Eu poderia pegar um violão, coloca-la em um drone e tocar de ouvido, sem se preocupar sobre ser muito preciso. Eu iria com os meus sentimentos. Então, para uma outra música eu peguei uma Strat e apenas fiz harmônicos. Ele me deixou fazer um monte de texturas. Eu não acho que vá surpreender ninguém ouvir isso, mas John é um cara muito profundo."
Pergunta realizada por Sophie Caley do Stadium-Acadium.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário