19 de outubro de 2017

Frusciante Collection 5: PBX Funicular Intaglio Zone


O álbum de hoje é o PBX Funicular Intaglio Zone! O disco saiu pelo selo Record Collection no segundo semestre de 2012, mais precisamente no mês de setembro. Seguindo a tradição, o álbum teve seu lançamento em dias diferentes em várias partes do mundo. A versão japonesa foi lançada primeiramente no dia 12, a europeia no dia 24 e no restante do mundo apenas no dia 25.

O álbum, à época, foi anunciado no início de 2012 juntamente com o EP Letur-Lefr, e assim como ele, também foi disponibilizado em um kit promocional contendo LP, CD, fita cassete, camiseta e o download da versão digital. A quem se interessar, esse conjunto ainda é vendido pelo site oficial do artista, mais precisamente nesse link.

Quando do seu lançamento, John Frusciante explicou o nome do álbum da seguinte forma em seu website: “PBX se refere a um sistema de comunicação interna. Há uma versão natural disso, em "negócios de escritórios " é algo pessoal. Funicular envolve dois cabos elétricos conectados, um cabo sobe, enquanto o outro desce. Todas as músicas perpetuamente fazem isso em muitos níveis simultâneos. Intaglio é uma técnica de escultura onde se trabalha no lado oposto da imagem, através do qual a imagem vai eventualmente aparecer para o espectador em relevo, mas o ângulo do escultor funciona a partir da ausência de algo. Na música que eu faço, uma abordagem semelhante a esta foi utilizada, ou melhor empregada. Zone se refere a um estado de espírito em que o resto do mundo aparentemente desaparece, e nada importa, mas a união de nossos sentimentos com um ambiente. Estas quatro palavras unidas vão muito longe para descrever o meu processo criativo”.

Quanto a sua ficha técnica, o disco foi o segundo da carreira de John Frusciante a ter essa pegada mais eletrônica, todavia, sua guitarra se mostra presente em algumas canções. Segundo as notas do álbum, todas as músicas foram escritas, tocadas e produzidas por John Frusciante, contudo, algumas faixas contém a participação dos artistas Kinetic 9 e Laena Geronimo.

Iniciando o que interessa, a versão em vinil foi produzida em dois LPs de 12”, em discos de 180 gramas cada um, acompanhando inclusive um download-card (cartão de download) de brinde para se baixar a versão digital do mesmo. No lado A do disco 1, têm-se as músicas: Intro/SabamHear Say e Bike, enquanto que o lado B vai de Ratiug e Guitar. Já no disco 2, o primeiro lado possui as músicas Mistakes e Uprane, e o lado B as canções Sam e Sum.


















Com relação ao CD, vê-se que o mesmo foi comercializado em jewel case (embalagem de acrílico) e não no formato digipack. A versão a ser mostrada a seguir é a americana, e como de praxe, diferentemente de versão japonesa, não contém as faixas bônus de Ratiug (numa versão a capella) e Wall and Doors (que foi disponibilizada gratuitamente pelo artista para download em sua página oficial, antes do lançamento do álbum).














Da mesma forma como na cassete de Outsides EP, a fita de PBX Funicular Intaglio Zone teve as suas artes colocadas na horizontal, sendo a fita em si totalmente branca, com as palavras escritas nas cores vermelha e azul piscina. O lado A possui as cinco primeiras faixas, enquanto que o lado B contém as demais.










Como último item, a camiseta foi disponibilizada na cor rosa, contendo as artes do álbum tanto na frente, quanto nas costas.




O álbum do próximo Frusciante Collection será o Letur-Lefr EP. Fiquem atentos! No mais, deixo vocês, mais uma vez, com a imagem do kit completo.


Curtiu essa publicação? Deixe o seu comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário