26 de janeiro de 2018

A protocooperação com Vincent Gallo - Fevereiro de 2001



Sobre seu novo video, Vincent Gallo que está dirigindo?
"Sim."

Você é amigo dele? Que tipo de video é?
"É um tipo de filme experimental estrelado por mim e dirigido por ele. É o melhor vídeo que eu poderia ter pedido, é muito legal."

Como é seu relacionamento com Vincent?
"Bem, ele é meu amigo sabe? Ele é meu amigo desde que estávamos escrevendo o disco Californication e Vincent lançou o filme "Buffalo 66". Eu vi esse filme e ele fez-me lembrar da minha música. Os sentimentos do seu filme me lembraram dos sentimentos das minhas canções. Ele pegou o meu número de telefone com um amigo nosso e eu descobri que ele era um grande fã dos meus álbuns solos. Então, ele me perguntou se eu faria a música..."

Eu posso tirar umas fotos enquanto conversamos?
"Sim, sim... claro. Então ele me perguntou se eu poderia fazer a música para o seu próximo filme e eu disse que sim. Eu escrevi uma série de canções do tipo com o seu próximo filme em mente, e eu fiz um CD pra elas, e eu diria que um monte delas vão ser a trilha sonora. Não estão incluídas neste, elas estão em um CD que eu só dei aos meus amigos."

Isso já está pronto?
"Bem, eventualmente. Ele ainda não escolheu quem ele quer no filme. Ele precisa de algumas peças femininas, que é duro escolher. Mas, quando ele terminar vai ser um filme maravilhoso e eu vou fazer a música para ele. Ele é o único cineasta com quem sinto qualquer sentimento de camaradagem, ele é a única pessoa que... Eu não vi quaisquer outros filmes ou vídeos que me lembraram da minha música nos últimos anos. Estou vendo filmes da década de 50 de Kenneth Anger que me lembram da minha música e vejo filmes de Andy Warhol na década de 60 que me lembram da minha música também, mas eu não...Vincent é um tipo único de pessoa fazendo filmes agora que as coisas da mesmo tipo de...Tipo de espécie de abordagem radical vanguardista ao cinema. Então sim, eu estou muito orgulhoso do que fizemos juntos e sei que iremos fazer outros grandes coisas juntos.


Fonte: Johan Bystrom - drowninginbrown.com - Fevereiro de 2001

Nenhum comentário:

Postar um comentário