19 de maio de 2019

"Scar Tissue" - a guitarra de John Frusciante estava desafinada?


No dia 25 de maio de 1999, os Red Hot Chili Peppers lançavam "Scar Tissue" - o single que marcava o retorno de John Frusciante e antecedia o álbum Californication. Durante todo esse tempo, guitarristas comentavam uma certa frustração ao tocar a música: mesmo com a guitarra devidamente regulada e afinada ainda soava fora do tom da guitarra original da gravação.

Na segunda-feira passada (13/05) o músico e youtuber holandês, Paul Davids, fez um vídeo demonstrando uma descoberta. Frusciante gravou a música com a corda B (si) levemente "desafinada". Será que John não notou tal "desafinação" enquanto gravava?

Pra investigar isso precisamos entender como funcionam os sistemas de afinação.

Os afinadores cromáticos são projetados no sistema 12-TET (12 Tones Equal Temperament, ou o que chamamos de Temperamento Igual) que divide duas oitavas em 12 semitons por igual. Acontece que o sistema 12-TET, assim como praticamente todos os outros, não proporciona uma harmonização pura de todos os intervalos (terças, quintas...). Harmonização pura é quando as frequências das notas de um intervalo se relacionam através de uma razão matemática de número inteiro. Por exemplo, uma oitava justa é um intervalo que pode se expressar na razão 2:1. Ou seja, se a nota A4 vibra em 440 Hertz a sua oitava justa abaixo que é o A3, vibra em 220 Hertz. Essa razão de 2:1 pra uma oitava justa ainda existe no sistema de afinação 12-TET, assim como em outros.

O problema é que quando uma oitava é dívida igualmente em 12 semitons, os demais intervalos não correspondem a razões de números inteiros. Pra fazer com que todos os intervalos correspondam a razões de números inteiros (o que se chama de Temperamento Justo ou Afinação Justa) seria necessário dividir de forma desigual essas 12 notas. Mas isso acarreta num outro problema que é, se você afina um instrumento com todos os intervalos em pura harmonia com um determinado tom, em qualquer outro tom que não seja o que se usou de referência os intervalos já não estariam puramente harmônicos. Por isso o sistema de afinação 12-TET é o mais adotado na música moderna, porque embora ele não proporcione os intervalos puramente harmônicos, é o que melhor minimiza essas diferenças por igual entre os intervalos, fazendo com que uma única afinação produza exatamente o mesmo efeito em qualquer tom.


Então em "Scar Tissue", a diferença que vemos de poucos Hertz a menos na corda B (si) quando olhamos pra um afinador cromático, é justamente o que coloca as notas em perfeita harmonia. O que era aparentemente um erro, por fim se revela um ajuste que passou desapercebido por 20 anos dentro desse clássico. Consciente ou não disso, com essa decisão John Frusciante soube fazer sua guitarra soar de um jeito único e inconfundível.

Confira o vídeo que Paul Davids comentando sobre "Scar Tissue":



Texto: Bruno Portugal e Felipe Freitas


PS: Essa publicação abre os 2.000.000 de visualizações do site em menos de três anos online!

Nenhum comentário:

Postar um comentário