20 de março de 2017

Antes do começo de The Empyrean


"Before The Beginning" - a faixa de abertura do álbum The Empyrean de John Frusciante - é inspirada em "Maggot Brain" do Funkadelic. São muitas as semelhanças entre as canções, Frusciante queria fazer algo como Eddie Hazel fez no ano de 1971.


MAGGOT BRAIN

"Maggot Brain" é uma canção do Funkadelic com um extenso solo de guitarra composto e executado por Eddie Hazel - gravado em 1971 e produzido por George Clinton. Diz a lenda que George Clinton estava sob efeito de LSD quando disse a Hazel na sessão de gravação que sua mãe havia falecido e o resultado foi o belo solo da música - Clinton logo após a sessão disse a Hazel que sua mãe estava bem e tudo isso não passava de uma viagem para obter o melhor do guitarrista.

Eddie Hazel gravou a canção em um único take utilizando um fuzz, um Cry Baby Wah e em partes um pedal de delay.



BEFORE THE BEGINNING

Já "Before The Beginning" é uma canção de John Frusciante - com participação de Josh Klinghoffer tocando bateria - e foi lançada no álbum The Empyrean em janeiro de 2009.

"Numa manhã, logo que eu acordei fiz uma parte do ritmo de guitarra para "Before the Beginning" e tive a ideia de como introduzir a bateria, à noite eu convidei meu amigo Josh Klinghoffer que fez a gravação. Enquanto eu estava tocando guitarra, ouvi alguém dizer como eu deveria expressar a guitarra que estava em minha cabeça, naquele momento eu gravei o solo de guitarra também. Quando eu escutei "Maggot Brain", senti a mesma sensação que eu queria passar com sentimento em minha canção. Em seguida, na mixagem do dia seguinte, eu adicionei vários tipos de efeitos. Mais tarde, foi interessante mostrar para os meus amigos minhas músicas, porque tínhamos o mesmo sentimento quando ouvimos "Maggot Brain" às cinco da manhã."
Guitar Magazine (Japão) - Fevereiro de 2009

John Frusciante gravou a faixa em três takes enquanto permanecia com sua Stratocaster na frente de um Marshall - utilizando o Boss DS-2 Turbo Distortion, o Ibanez WH-10 V1, o Mosrite Fuzzrite, o Electro-Harmonix Big Muff e o Holy Grail Reverb para criar as texturas da música.

"É uma compilação, provavelmente de três tomadas. Eu tinha algumas melodias em minha cabeça, mas não sabia o que fazer até começarmos a gravar. Nós nos divertimos muito misturando as partes para fazer um solo que melhor expressasse o que eu estava sentindo e para criar uma sensação de equilíbrio musical. Não gosto de “consertar” coisas em um computador, mas gosto da maneira como se pode usar mixagem criativa ou tratamentos sonoros para continuar a s expressar depois de você ter tocado algo. Gravamos e mixamos essa música em dois dias."
Guitar Player - Julho de 2009

"Toquei minha Stratocaster enquanto permanecia em frente a um Marshall, e provavelmente usei um Boss DS-2 Turbo Distortion e um Mosrite Fuzzrite, juntamente com o controle de volume da guitarra, para produzir sons que iam do levemente distorcido a explosivo. Utilizei ainda um wah-wah Ibanez WH-10 para obter feedback em diferentes frequências, e devo ter adicionado um pouquinho de reverb de um Electro-Harmonix Holy Grail."
Guitar Player - Julho de 2009

"Em “Before The Beginning” eu usei um Electro-Harmonix Holy Grail e um pedal Big Muff, também um pedal Mosrite Fuzzrite da década de 1960 e Boss Turbo Distortion."
Guitar Magazine (Japão) - Fevereiro de 2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário