12 de março de 2018

A história de "The Zephyr Song" dos Red Hot Chili Peppers


A história da música "The Zephyr Song", um dos clássicos do Red Hot Chili Peppers, lançado no álbum By The Way em junho de 2002.

Anthony Kiedis: "...Uma coisa sobre “The Zephyr Song”: seu título provisório era “Coltrane”, e eu não faço a mínima ideia do motivo. Nós amamos John Coltrane, mas sério, ela não tem muito a ver com John Coltrane. Outra experiência de composição estranha para nós. Só porque... as estrofes têm esse fluxo estranho e melódico, funky e quase sincopado, e o refrão é totalmente aberto, é uma tela aberta enorme. E o que eu queria cantar no refrão chocou Flea. Eu cantei a minha parte quando escutei eles tocando, e ele disse "Uau, você está fazendo algo totalmente diferente ultimamente". E eu disse "É, você gostou?", e ele disse "Eu amei. É só que eu nunca teria esperado isso de você" e eu pensei, "Legal, eu surpreendi o Flea". E para mim, é sobre sonhar, é sobre amar, é um sentimento flutuante, como se estivesse no ventre do amor universal, e ela cria uma imagem. Ela cria uma imagem de como é ser eletrocutado pelo vento num romance."
Chad Smith: "“The Zephyr Song” é outra música que começou com uma jam, em que nós estávamos tentando descobrir novas maneiras de se inspirar, novas maneiras de criar música, e John trouxe o seu sampler, e nós improvisamos por cima daquele groove que se escuta bem no começo da música, é um beat sampleado que John tinha em casa e trouxe, e nós começamos a tocar com aquilo. E realmente, foi assim o começo dela. Acho que ela tem uma melodia linda no refrão, e que Anthony fez um ótimo trabalho cantando. Foi um desafio gravá-la, porque nós não gravamos com sequenciadores, click tracks ou samplers ou coisas assim, então como baterista, eu tive que ser muito disciplinado para que ela soasse bem, mas que também estivesse junto com o sampler. Isso é mais um novo elemento que nós adicionamos à nossa pequena mistura chamado Red Hot Chili Peppers."
Q Prime (Paris)

Dave Lee: "Uma vez enquanto eu testava o rig, eu percebi que as três primeiras notas de "Zephyr Song" (que eu estava tocando bem devagar uma vez atrás da outra) eram as mesmas das três primeiras notas de uma música do filme "Willy Wonka e a Fábrica de Chocolate" original. Uma canção chamada "Pure Imagination". Gene Wilder canta "Come with me...". Se você escutá-la, vai ver que são as mesmas três primeiras notas. Bem, com o tempo, quando testava o rig, eu acabava tocando o começo de "Pure Imagination" ao invés de "Zephyr Song".

Um dia nós estávamos arrumando tudo para uma gravação. Eu estava testando o rig do John na sala de gravação. Eu não sabia que John estava na sala de controle escutando tudo. Ele entrou na sala de gravação com um olhar de espanto. Ele olhou pra mim e disse... "Dave... eu compus essa canção durante um período em que eu estava assistindo muito Willy Wonka! Essa música DEVIA estar na minha cabeça quando eu escrevi Zephyr Song. Uau! Eu nunca tinha percebido isso.""
Dave Mail 41 - Março de 2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário